Hot Widget

Type Here to Get Search Results !

Pix vira rede social, para xaveco e até para 'nudes'

0

Pix vira rede social, para xaveco  e até para 'nudes'
 
Dar um match corre o risco de virar coisa do passado. “Anota o meu Pix” passou a ser a senha para indicar que há espaço para um relacionamento. Dois meses depois da entrada em vigor do sistema do Banco Central (BC) de pagamentos instantâneos e transferências sem custos, o Pix se converteu numa mistura de rede social, caminho para conquistar a cara-metade — por meio da transferência de valores modestos, até na casa dos centavos— , e balcão de negócios.

E já é chamado de "PixTinder".

Donos de perfils populares nas redes divulgam suas chaves do Pix convida seguidores a fazerem depósitos em valores que correspondem a significados específicos.

E há até quem troque “mimos”, que vão desde um lanche até "nudes" no celular, por meio da ferramenta.

Chrystian Santanna, de 25 anos, e a namorada, Amanda Costa, de 24, por exemplo, reataram recentemente um namoro de oito anos após um desentendimento por meio do Pix.

Ele foi bloqueado por ela nas redes e no WhatsApp. Então o jeito foi recorrer ao Pix. Com uma transferência de R$ 2 para a chave dela, conseguiu quebrar o gelo com uma mensagem no lugar da identificação da operação.

— Podia ter sido um valor maior, né? — reagiu Amanda antes de dar uma nova chance.

Conheça outras histórias de relacionamento envolvendo o Pix e entenda como o sistema de pagamentos está sendo usado em grupos nas redes sociais.

Nem sempre, porém, o meio de transferência é capaz de reatar laços. O produtor multimídia Edu Moraes, de 22 anos, recebeu um pedido de desculpas de um amigo através de mensagem no Pix. Os dois se desentenderam e um bloqueou o outro nas redes de contato:— Um amigo, do qual me afastei, estava me devendo R$ 10. Ele transferiu o valor e escreveu ‘Desculpa qualquer coisa, e aqui está o dinheiro’. Eu não respondi.

'PixTinder' é um sinal da cultura digital brasileira

Para especialistas, o Pix para o relacionamento social reflete uma combinação de fatores. Entre eles, está a possibilidade de flertar ou se expressar sem ser visto ou julgado, o que abre a porta para extravasar opiniões. </p><p>Além disso, o espaço restrito do campo de mensagem ajuda a tornar o galanteio objetivo e direto. Ou seja, além da surpresa com a transferência acompanhada de texto, não há muito espaço para poesia ou para sustentar longas conversas.

Para abordar alguém, basta ter sua chave do Pix, coisa que muitos brasileiros resolveram compartilhar em aplicativos ou redes.

Veja os principais golpes e saiba como se proteger

— Esse fenômeno já se manifestou anteriormente no Instagram e também no Linkedin, que é uma rede social de negócios e de busca de oportunidades de trabalho. A gente já percebe que é uma característica muito forte no país: os brasileiros utilizam bastante os aplicativos para a busca de relacionamento — afirmou Fábio Mariano Borges, professor de Sociologia do Consumo da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM-SP).





Um blog com notícias selecionadas para você

Postar um comentário

0 Comentários

Top Post Ad

Below Post Ad