loading...
Alerj diz que não vai questionar decisão do TRF-2

Alerj diz que não vai questionar decisão do TRF-2

Alerj diz que não vai questionar decisão do TRF-2Alerj diz que não vai questionar decisão do TRF-2 sobre prisão de deputados

Em nota, a Mesa Diretora lembrou, porém, que um comunicado do TRF-2 da semana passada dizia que caberia à Alerj decidir sobre a prisão
A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) enviou nota no início da noite desta terça-feira, 21, informando que não vai questionar o entendimento do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2), que decidiu mandar de volta à prisão os deputados Jorge Picciani - presidente da casa -, Paulo Melo e Edson Albertassi (PMDB). Eles foram presos na quinta-feira, 16, sob acusação de corrupção, soltos um dia depois, após votação na Alerj neste sentido, e, nesta terça-feira, encarcerados novamente.

"Apesar de entender que os casos anteriores de relaxamento de prisão votados pela Alerj (dos deputados Álvaro Lins, em 2008, e José Nader Júnior, em 2005), onde não houve questionamento por parte do Judiciário, validariam o procedimento de soltura adotado pela Casa na última sexta-feira, a Mesa Diretora da Casa decidiu não questionar o entendimento do TRF-2, que em sessão extraordinária nesta terça-feira deliberou que a soltura dos deputados Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi teriam que ter sido submetidos àquela Corte", diz a nota.

0 Response to "Alerj diz que não vai questionar decisão do TRF-2"

Postar um comentário

Deixe sua opinião


Iklan Atas Artikel

Iklan Tengah Artikel 1

loading...

Iklan Tengah Artikel 2

loading...

Iklan Bawah Artikel 600