Parceiro

Type Here to Get Search Results !

Conta de energia vai ficar mais cara no Rio a partir de domingo

0

Alta do dólar impacta tarifas residenciais da Light e da Enel, em 5,98% e 2,48%, respectivamente.

A bandeira tarifária de energia de março é verde, isto é, sem custo extra para os clientes, mas com a alta do dólar, a conta de luz vai ficar mais cara, em média 6,21%, para 7,7 milhões de clientes em 66 municípios fluminenses a partir de domingo (15). Mas o que a alta da moeda norte-americana tem a ver com a energia consumida no Brasil? Isso ocorre porque a energia comprada pelas duas empresas vem de Itaipu e é paga na moeda americana. 

E as sucessivas altas do dólar impactaram diretamente os índices, de acordo com informações da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que aprovou o aumento. Ou seja, quando a moeda americana sobe muito, como está ocorrendo nos últimos meses, há impacto direto nas tarifas.

Para os consumidores da Light, que atende 4,1 milhões de unidades em 31 municípios do estado, o reajuste será de 5,98% para residências e 6,73% para indústrias. Já para os 3,6 milhões de clientes de Enel Distribuição Rio, antiga Ampla, que atende Niterói, Região dos Lagos e o Norte Fluminense, será de 2,48% (residências) e de 3,38% (indústrias).



Um blog sobre: Política, empregos e economia

Postar um comentário

0 Comentários

Top Post Ad

Below Post Ad