Partidos pedem afastamento de Ramagem  após relatórios da Abin para Flávio Bolsonaro

Partidos pedem afastamento de Ramagem após relatórios da Abin para Flávio Bolsonaro

Partidos pedem afastamento de Ramagem  após relatórios da Abin para Flávio Bolsonaro

Os partidos Rede e PSB pediram o afastamento do diretor-geral da Agência Brasileira de Investigação (Abin), Alexandre Ramagem, após novas denúncias da produção de 
relatórios pelo órgão para orientar a defesa do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) no caso das rachadinhas na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

Os partidos apresentaram uma petição ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta sexta-feira (18), com base em reportagem da revista Época publicada hoje, em que Luciana Pires, advogada do filho do presidente Jair Bolsonaro, confirma a existência dos documentos e a participação de Ramagem e relata que algumas orientações não foram seguidas porque estava fora do alcance da defesa.

“Cenário de clara ilegalidade e inconstitucionalidade, numa verdadeira demonstração de desprezo pelo ordenamento constitucional por parte do Sr. Presidente da República”, argumenta a petição.

As legendas já haviam entrado com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade, que acrescentaram a petição ao processo.

No documento, além de Ramagem, é pedido o afastamento do Coordenador-geral de Credenciamento de Segurança e Análise de Segurança Corporativa da Abin, o agente da PF Marcelo Bormevet, tanto de seus cargos comissionados na Abin, quanto de seus cargos efetivos na Polícia Federal. Os dois também devem ser intimados a depor.

As legendas ainda reforçam solicitação para que o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, seja intimado a depor.




Um blog com notícias selecionadas para você

0 Response to "Partidos pedem afastamento de Ramagem após relatórios da Abin para Flávio Bolsonaro"

Postar um comentário

Deixe sua opinião


Amazon

Iklan Tengah Artikel 1

Iklan Tengah Artikel 2

Iklan Bawah Artikel 600